Mudes recebe Secretaria de Juventude para discutir a inclusão profissional dos jovens

Candidatos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

21.06.2021 – A Fundação Mudes recebeu na última sexta-feira (18) o secretário municipal da Juventude do Rio de Janeiro, Salvino Oliveira, e a chefe de gabinete da secretaria, Nathália Azevedo. O encontro, que respeitou o distanciamento social e as recomendações das autoridades de saúde, teve como objetivo discutir medidas para aumentar a inclusão profissional dos jovens cariocas.

 

O presidente da Mudes, Cleto de Assis, acredita que a parceria com a Prefeitura do Rio pode ajudar a ampliar o alcance dos programas da instituição, levando programas de capacitação a mais jovens em mais regiões da capital carioca, especialmente os locais que enfrentam maior vulnerabilidade social. “Nós da Fundação Mudes buscamos forças para nos unir na missão de gerar oportunidades de qualificação profissional, acesso ao mundo do trabalho geração de renda e acesso à educação para os jovens. Esperamos que nossos encontros possam render frutos e novas parcerias em prol da juventude”, disse.

 

De acordo com o secretário da Juventude, Salvino Oliveira, é preciso reestruturar o campo dos sonhos do jovem, para que ele não se sinta desalentado e perceba que pode atingir seus objetivos profissionais. “Para conseguir isso, primeiro ele precisa ter um exemplo. Nós temos uma secretaria da juventude muito jovem e muito plural, com pessoas vindas de diversas regiões do Rio, que entendem e viveram essa situação de vulnerabilidade. Então o jovem consegue se enxergar nesse espaço e se imaginar numa perspectiva de futuro melhor”, defende o secretário.

 

Para Nathália, chefe de gabinete da Secretaria, outro passo para reestruturar a perspectiva de futuro dos jovens é promover o diálogo com eles de maneira horizontal. “É você ter centenas de jovens numa palestra e eles se identificarem com aquilo que está sendo falado. É eles olharem e pensarem que isso dialoga com seus medos e anseios, mas, ao mesmo tempo, enxergando um caminho possível”, disse.

 

Com isso, Salvino explica que é possível chegar na parte prática, onde entram em ação instituições e órgãos, como a Fundação Mudes e a Prefeitura do Rio. “Entendendo o que o jovem precisa, a gente consegue pensar nas melhores vias para transformar a cidade. Os jovens são os mais afetados pelo desemprego, então esperamos que, junto da Mudes, possamos reduzir a quantidade de pessoas que nem estudam, nem trabalham, gerando oportunidades para elas”, afirmou Salvino.

 

O índice de jovens conhecidos como “nem nem”, que não estudam nem trabalham, cresceu nove pontos percentuais no Rio de Janeiro durante o último ano – foi de 55% para 64%. A Fundação Mudes espera, junto da Prefeitura, contribuir para reduzir esses números. Se você é jovem e busca uma uma vaga de estágio, aprendiz trainee ou PCD, cadastre-se aqui para participar dos nossos processos seletivos. Se você é de empresa e quer contratar, é só entrar em contato com a gente clicando neste link e solicitar uma proposta. Contem sempre conosco!

Compartilhe esse artigo:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade. Conheça nosso Portal da Privacidade e veja a nossa nova Política.