Candidato, Empresa
ou Instituição de Ensino:
Logo 3.1

Janeiro Branco: como as empresas podem promover intervenções positivas no ambiente corporativo?

Canal Mudes

Janeiro Branco, campanha que nasceu em 2014, visa dedicar o primeiro mês do ano à promoção da saúde mental e emocional. O nome exprime a cultura de que, neste período, as pessoas estão mais reflexivas e abertas a repensarem suas vidas e relacionamentos, priorizando a saúde mental. 

 

A campanha tem como objetivo alertar toda a sociedade sobre as necessidades relativas à saúde mental e emocional, de modo a orientar as pessoas a como prevenir, identificar e tratar questões ou transtornos mentais e emocionais. 

 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), “saúde mental é o estado de bem-estar em que o indivíduo reconhece suas próprias habilidades, pode lidar com os estresses normais da vida, pode trabalhar de forma produtiva e frutífera, e é capaz de contribuir para sua comunidade”. 

 

Dados da OMS e da Organização Internacional do Trabalho (OIT) revelam que cerca de 15% dos trabalhadores adultos do mundo apresentam algum tipo de transtorno mental. Estima-se que, na população brasileira, há 11 milhões de pessoas diagnosticadas com depressão e mais de 18 milhões de casos relacionados com ansiedade. 

 

Conforme a analista psicossocial da Fundação Mudes e especialista em Psicologia Positiva, Karla Paixão, “para proporcionar saúde mental no ambiente corporativo, é preciso, antes, proporcionar segurança psicológica. Por meio de intervenções positivas, é possível criar sentido para os colaboradores, criar conexão entre eles e a empresa, e gerar soluções, como emoções, cognições e comportamentos positivos por intermédio de práticas positivas. Essas intervenções visam transformar esgotamento e desânimo em engajamento, motivação, felicidade e realização pessoal e profissional”. 

 

Intervenções empresariais positivas 

Como exemplos de intervenções positivas, Karla Paixão indica as seguintes práticas:

 

  • Comunicar aos colaboradores sobre a nova cultura da empresa, iniciando as práticas, preferencialmente em janeiro, em consonância com a campanha Janeiro Branco; 
  • Realizar uma pesquisa para entender como está o clima organizacional, a fim de que os colaboradores possam revelar aquilo que sentem, e a empresa compreenda a real situação e conheça as sugestões de melhorias; 
  • Preparar os colaboradores em cargos de liderança para disseminar a segurança psicológica e compreender as vulnerabilidades; 
  • Fazer um levantamento quanto às necessidades de treinamentos. Desta forma, é mais fácil identificar o que os colaboradores precisam aprender para desenvolver melhor o seu trabalho. A partir deste levantamento, é possível pesquisar cursos e parcerias para ofertá-los aos colaboradores (gratuitamente e/ou com desconto);
  • Incluir nos murais da empresa frases engajadoras e motivadoras, como “É possível trabalhar e ser feliz no mesmo lugar!” (Vania Ferrari);
  • Encaminhar, às segundas-feiras, no início do expediente, uma mensagem aos colaboradores para desejar um bom dia, uma boa semana, informando que o RH e a liderança estão à disposição;
  • Encaminhar, ao término de toda semana, uma mensagem aos colaboradores para agradecer por mais uma semana juntos no mesmo propósito, desejando um bom descanso, incentivando que descansem e aproveitem a sua folga;
  • Ter um(a) mediador(a) de conflitos – pode ser um(a) psicólogo(a) organizacional, um(a) psicólogo(a) positivo, um(a) especialista ou um(a) líder – que tenha sido treinado(a) para a função. O importante é que seja uma pessoa em quem os colaboradores possam confiar;
  • Proporcionar uma sala de descanso, um ambiente com puffs, em que os colaboradores possam descansar, ler um livro, fazer o que quiser e se recompor;
  • Implantar benefícios, como conceder uma folga no dia do aniversário e pensar na possibilidade de uma folga por mês para que os colaboradores possam resolver questões pessoais (por exemplo: ir ao banco, a uma consulta médica ou realizar outras atividades necessárias);
  • Incentivar viagens nas férias por meio de parcerias da empresa com hotéis e empresas aéreas;
  • Fazer parcerias com empresas do setor de produtos cosméticos para realizar eventos na organização, com cuidados estéticos para os colaboradores e venda dos produtos com descontos;
  • Criar cultura de intervenções entre os colaboradores: o que eu posso aprender com você? Troca de conhecimentos e experiências entre as equipes;
  • Durante o expediente, encaminhar mensagens para os colaboradores perguntando se eles já pausaram, se já beberam água, se já tomaram um café, dizendo para não subestimarem o valor de uma pausa;
  • Agradecer as pessoas por suas contribuições e pela parceria com a empresa.

 

O capital mais valioso das organizações são as pessoas. É necessário criar um ambiente no qual todos se sintam bem de modo que, se pudessem, fariam o trabalho de graça. Não é utopia! É segurança psicológica! É saúde mental! É felicidade no trabalho! Personalize as práticas conforme o contexto da sua empresa e promova um ambiente seguro, saudável e feliz.

Compartilhe esse artigo:

WhatsApp da Mudes
Enviar via WhatsApp

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade. Conheça nosso Portal da Privacidade e veja a nossa nova Política.