Quem somos

Saiba como incentivar o jovem aprendiz PcD a se envolver nas tarefas da empresa

Canal Mudes

Uma empresa pode ter obrigação legal de contratar PcD, de acordo com seu tamanho e número de funcionários, mas é importante que essa relação ultrapasse o simples cumprimento da legislação 

 

Na contratação de PcD, o foco deve ser a qualificação dos profissionais para preencher a vaga, mas a empresa não pode deixar de lado a responsabilidade de considerar eventuais limitações da pessoa com deficiência. 

  

Assim, é fundamental que o Recursos Humanos – RH -, contribua para avaliar se determinada vaga pode mesmo ser preenchida por um PcD, e isso deve inclusive, considerar aquilo o que a empresa tem a oferecer ao candidato a colaborador. 

 

Nem todas as empresas têm obrigação legal de fazer a contratação de pessoas com deficiência. Aquelas que se encaixam às regras ou que decidam por esse tipo de contratação, devem pensar para além de apenas o preenchimento de cotas. 

  

A diretoria, o setor de RH e os demais funcionários da empresa precisam estar envolvidos no projeto e na criação de um ambiente de trabalho inclusivo, no ponto de vista físico, tecnológico e social. 

 

A Fundação Mudes se orgulha em fazer parte da história de pessoas com deficiência, promovendo a igualdade social e o direito à cidadania. 

 

Clique aqui e saiba sobre as oportunidades em aberto! 

Compartilhe esse artigo:

WhatsApp da Mudes
Enviar via WhatsApp

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade. Conheça nosso Portal da Privacidade e veja a nossa nova Política.